Postagem em destaque

Atrofia cultural

O cartunista  Miguel Paiva  afirma que a cultura brasileira segue ameaçada. Ele diz: “um país como o Brasil não pode ser entregue a ini...

sábado, 7 de abril de 2018

Aviso às escolas: não mexam na Convenção

O sindicato das escolas de educação básica confirmou ao Tribunal Regional do Trabalho que não aceita prorrogar a Convenção Coletiva pelos próximos 45 dias. O que acontece agora? Como ficam os direitos dos professores.

Em carta dirigida a todas as escolas de São Paulo, 25 sindicatos, inclusive o SinproSP, e a Federação dos Professores alertam: todas as cláusulas serão julgadas pela Justiça do Trabalho e a sentença retroagirá a 1º de Março, data base dos professores.

Por isso, a Convenção deve ser respeitada até o julgamento. Se a escola deixar de cumprir algum direito que vier a ser confirmado pela Justiça, estará sujeita à multa, correção de valores eventualmente cobrados e demais penalidades.

Veja também:O sindicato das escolas de educação básica confirmou ao Tribunal Regional do Trabalho que não aceita prorrogar a Convenção Coletiva pelos próximos 45 dias. O que acontece agora? Como ficam os direitos dos professores?
Em carta dirigida a todas as escolas de São Paulo, 25 sindicatos, inclusive o SinproSP, e a Federação dos Professores alertam: todas as cláusulas serão julgadas pela Justiça do Trabalho e a sentença retroagirá a 1º de Março, data base dos professores.

Por isso, a Convenção deve ser respeitada até o julgamento. Se a escola deixar de cumprir algum direito que vier a ser confirmado pela Justiça, estará sujeita à multa, correção de valores eventualmente cobrados e demais penalidades.

Veja também:


Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade 2018 divulga edital

Estimular e valorizar aqueles que atuam em favor da preservação do patrimônio cultural no país é, também, uma das missões do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Pensando nisso, uma das principais ações do Iphan em reconhecimento às ações de preservação do Patrimônio Cultural Brasileiro é o Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade, que está com inscrições abertas. Criado em 1987 em reconhecimento a ações de proteção, preservação e divulgação do Patrimônio Cultural Brasileiro, o prêmio, que está na sua 31ª edição e foi assim denominado em homenagem ao primeiro dirigente da instituição.
Neste edital de 2018, serão selecionados oito trabalhos representativos de ações no campo do Patrimônio Cultural Brasileiro e cada premiado receberá o valor de R$ 30 mil. Os trabalhos inscritos deverão ser entregues nas superintendências do Iphan nos Estados até o dia 21 de maio. As ações serão pré-selecionadas pelas comissões estaduais, compostas por representantes das diferentes áreas culturais de cada Estado, presidida pelo superintendente. Os projetos vencedores na etapa estadual serão analisados pela Comissão Nacional de Avaliação, formada pela presidente do Iphan e por 16 jurados que atuam nas áreas de preservação ou salvaguarda do Patrimônio Cultural.
O resultado final do concurso deverá ser divulgado até o dia 30 de agosto de 2018, no site do Iphan.
Carimbó
Grêmio Folclórico Boi Bumbá Brilhante de Manaus (AM)
A 31ª edição do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade
Em consonância com a proposta do Iphan de levar o prêmio para todas as regiões do Brasil e, em 2018, promover o Patrimônio Cultural do Norte brasileiro, a 31ª edição do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade acontecerá em Belém, capital do Pará. A cerimônia, marcada para novembro deste ano, será em ritmo de Carimbó, registrado pelo Iphan como Patrimônio Cultural do Brasil, e contará com outras expressões tradicionais do Norte, como o Boi-Bumbá de Parintins.
Nesta edição, o prêmio apresenta um novo formato de edital, com duas grandes categorias subdivididas em quatro seguimentos:
Categoria 1 - Iniciativas de excelência no campo do Patrimônio Cultural Material referem-se a ações nas áreas de preservação de bens imóveis como paisagens culturais, cidades históricas, sítios arqueológicos e monumentos; ou móveis, como coleções arqueológicas, acervos museológicos, documentais, bibliográficos, arquivísticos, videográficos, fotográficos e cinematográficos, assim como ações relacionadas de comunicação, difusão e educação, e devem ser apresentadas por pessoas físicas ou jurídicas que sejam responsáveis por sua concepção, autoria ou responsabilidade técnica.
Categoria 2 - Iniciativas de excelência no campo do Patrimônio Cultural Imaterial referem-se a ações nas áreas de salvaguarda de práticas e domínios da vida social que se manifestam em saberes, ofícios e modos de fazer; celebrações; formas de expressão cênicas, plásticas, musicais ou lúdicas; e nos lugares que abrigam práticas culturais coletivas, assim como ações de comunicação, difusão e educação, e devem ser apresentadas por pessoas físicas ou jurídicas que sejam responsáveis por sua concepção, autoria ou responsabilidade técnica.
Segmento I – Entidades Governamentais da administração direta dos níveis federal, estadual ou municipal ou indireta (autarquias; empresas públicas; sociedades de economia mista; e fundações públicas).
Segmento II – Empresas e Fundações privadas mantidas por empresas.
Segmento III – Outras Instituições sem fins lucrativos da sociedade civil organizada.
Segmento IV - Pessoas Físicas e representantes de grupos ou coletivos.
Serão selecionadas, ao todo, oito ações, sendo uma de cada seguimento, por categoria.
Mais informações para a imprensa
Assessoria de Comunicação Iphan

comunicacao@iphan.gov.br
Fernanda Pereira – fernanda.pereira@iphan.gov.br
Yara Diniz – yara.diniz@iphan.gov.br
(61) 2024-5534 - 2024-5504
(61) 99381-7543
www.iphan.gov.br
www.facebook.com/IphanGovBr | www.twitter.com/IphanGovBr
www.youtube.com/IphanGovBr
Fonte: IPHAN

PRÊMIO Literário Cidade de Manaus [inscrições]


Terminam em 28 de ABRIL as inscrições para os Prêmios Literários Cidade de Manaus. A premiação é nacional e local.
Haverá premiações para os gêneros: romance, novela, contos, poesia, crônicas, texto teatral, ensaios, jornalismo literário, entre outros.
As fichas de inscrição podem ser obtidas na sede do Conselho Municipal de Cultura, localizada na Avenida André Araújo, 2.767, Aleixo (Térreo do prédio da Manauscult), ou ainda pelo site do Concultura.
O resultado está previsto para 1º de junho.

Mais informações:
http://concultura.manaus.am.gov.br/premio-literario-cidade-de-manaus

Espetáculo resgata cenas circenses tradicionais no Circo da Cidade neste sábado


Circo da Cidade, Lona Zé Priguiça inicia a programação de abril neste sábado (7/4) em Curitiba, com o espetáculo Risas y Sonrisas Reprises Clownescas. A apresentação resgata cenas circenses tradicionais em leituras contemporâneas.
Produzido pela Companhia Risas y Rebeldia o espetáculo busca salvaguardar a tradição dos palhaços. O evento surgiu a partir de pesquisa de entradas clássicas, trazendo ao público o contato com cenas seculares de palhaçaria. O espetáculo tem classificação livre e duração de 50 minutos. Ao final do evento, o público poderá fazer sua colaboração espontânea.
Serviço: Risas y Sonrisas – Reprises Clownescas no Circo da Cidade
Local: Circo da Cidade – Lona Zé Priguiça – Rua Benedicto Siqueira Branco, s/nº – Alto Boqueirão
Data e horário: 7 de abril (sábado), às 15h
Ingresso: pague quanto quiser
Próximas atrações no Circo da Cidade
Confira os próximos espetáculos que serão apresentados aos sábados no Circo da Cidade, Lona Zé Priguiça – Rua Benedicto Siqueira Branco, s/nº – Alto Boqueirão, durante o mês de abril. As apresentações são sempre às 15h, com classificação livre e contribuição no sistema pague quanto quiser.
14 de abril – SHOW DO PELÚCIA – Cia. Circo Rodado
O espetáculo atualiza a dramaturgia clássica dos circos itinerantes do Brasil, também conhecida como “Arreia Mala”. A apresentação mostra dois palhaços que buscam uma vaga no “Show do Pelúcia”, e para isso precisam cair nas graças do próprio Pelúcia e do público.
28 de abril – YSTILINGANDO – Estilingue Produções
Ystilingue é um palhaço aventureiro e sonhador que, através de cenas comuns do seu cotidiano, encontra um mundo mágico e deslumbrante. Na lógica maluca do universo do palhaço, ele torna a simples rotina de seu dia em um verdadeiro cenário de diversão, desafios e realizações tudo em meio a trapalhadas, cores, mágicas e malabares.
Fonte: BRASIL CULTURA